quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Teoria da Disfunção do Movimento e Procedimento


Foram propostas várias teorias para explicar o fenômeno da Hipomobilidade e Disfunção do movimento.

1-      Teoria do Aprisionamento do material sinovial ou a existência de um meniscóide sinovial entre duas superfícies articulares opostas.
2-      Falta de congruência no contato ponto-a-ponto das superfícies articulares opostas, o papel da medicina manual seria restaurar a articulação, fazendo com que ela retome a ‘trilha certa.’
3-      Alteração nas propriedades físicas e químicas do líquido, onde pode haver a perda da capacidade do deslizamento suave devido ao fato de as superfícies opostas terem se tornado “pegajosas”.
4-      Teoria que enfoca a restrição de movimento como resultado de alteração no comprimento e no tônus do músculo.

Procedimento:  Realização do Trust  ou Movimento Rápido de baixa amplitude.
Tanto na articulação vertebral quanta na extremidade em que a separação das superfícies articulares ocorreu, foi comprovado o fenômeno de ‘’cavitação’’.
Além do estado audível, no raio X, a densidade se torna negativa dentro da articulação, onde esse “vácuo” provocado sugere a alteração do estado líquido (acumulado e aprisionado) para o estado gasoso em decorrência do  trust ou tranco rápido.

Por exemplo:    video 

Manipulação Articular CostoTransversa


Greenman. Philip E. Princípios da Medicina Manual, 2 ed. São Paulo: Editora Manole, 2001